AVISO

Sinvastatina 20mg 30 Comprimidos Medley Genérico

(Código: 824960)
INFORMAÇÕES SOBRE O PRODUTO

SINVASTATINA 20MG 30 Comprimidos     APRESENTAÇÕES Comprimidos revestidos de 20 mg: embalagens com 30 ou 60 comprimidos USO ORAL USO ADULTO     COMPOS

18.16 9.99
-45.0%
-
+

Preço para o cep 90620-130

A disponibilidade e os preços dos produtos podem mudar de acordo com a sua localidade! (Alterar)

Não sei meu CEP

DESCRIÇÃO

SINVASTATINA 20MG

30 Comprimidos

 

 

APRESENTAÇÕES

Comprimidos revestidos de 20 mg: embalagens com 30 ou 60 comprimidos

USO ORAL

USO ADULTO

 

 

COMPOSIÇÃO

Cada comprimido revestido de 20 mg contém: sinvastatina ................................................ 20 mg

excipientes q.s.p. .......................................................... 1 comprimido

(ácido ascórbico, ácido cítrico, amido, celulose microcristalina, dióxido de titânio, estearato de magnésio, butil-hidroxianisol, hiprolose, hipromelose, lactose monoidratada, macrogol, óxido de ferro amarelo, óxido de ferro vermelho, polissorbato 80, talco) 

 

 PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?

A sinvastatina é indicada para reduzir os riscos à saúde decorrentes das doenças cardiovasculares. Se você tem doença arterial coronariana (DAC), diabetes, já teve derrame ou outra doença vascular (independentemente dos níveis sanguíneos do seu colesterol), a sinvastatina:

  • pode prolongar sua vida ao reduzir o risco de infarto do miocárdio (ataque cardíaco) ou de derrame;
  • reduz a necessidade de cirurgia para melhorar o fluxo sanguíneo nas pernas e nos órgãos essenciais, tal como o coração;
  • reduz a necessidade de hospitalização por dor no peito (conhecida como angina). 

 

 COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

Este medicamento reduz os níveis do mau colesterol (colesterol LDL) e de substâncias gordurosas chamadas triglicérides e aumenta os níveis do bom colesterol (colesterol HDL) no sangue. A sinvastatina pertence à classe dos medicamentos denominados inibidores da hidroximetilglutaril-coenzima A (HMG-CoA) redutase.

ADVERTÊNCIA DE USO:
A PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.