AVISO

INFORMAÇÕES SOBRE O PRODUTO

Sintocalmy é um medicamento que serve para ansiedade, tensão e distúrbios do sono.   Composição: Cada comprimido contém: Extrato seco ACH06 de Passifl

R$67.67 3x de R$ 22.56 sem juros
-
+

Preço para o cep 90620-130

A disponibilidade e os preços dos produtos podem mudar de acordo com a sua localidade! (Alterar)

Não sei meu CEP

DESCRIÇÃO

Sintocalmy é um medicamento que serve para ansiedade, tensão e distúrbios do sono.

 

Composição:

Cada comprimido contém:

  • Extrato seco ACH06 de Passiflora incarnata 300 mg (Padronizado em 21 mg (7%) de flavonoides totais expressos em vitexina).

Excipientes: celulose microcristalina, crospovidona, dióxido de silício, dióxido de titânio, estearato de magnésio, corante amarelo lake blend LB282, prosolv SMCC 90 (celulose microcristalina e dióxido de silício), opadry II (álcool polivinílico, polietilenogliol e talco) e água purificada.

 

Indicações de uso:

Indicado para tratar estados de irritabilidade, agitação nervosa, tratamento de insônia e desordens de ansiedade.

 

Como funciona:

Atua no sistema nervoso central produzindo efeito sedativo, prolongando o período de sono.

 

Contraindicações:

Este medicamento é contraindicado para os seguintes casos:

  • Pacientes com histórico de hipersensibilidade e alergia a qualquer um dos componentes da fórmula;
  • Não deve ser utilizado junto a bebidas alcoólicas e não deve ser associado a outros medicamentos com efeito sedativo, hipnótico e anti-histamínico;
  • Crianças menores de 12 anos sem orientação médica.

     

    Como usar:

  • Uso oral;
  • Os comprimidos devem ser ingeridos inteiros e sem mastigar com quantidade suficiente de água para que sejam deglutidos;
  • O uso contínuo não deve ultrapassar três meses;
  • Ingerir 1 comprimido, 2 vezes ao dia. Se necessário, pode-se aumentar a dose até 3 comprimidos divididos em três tomadas ao longo do dia;
  • Não desaparecendo os sintomas, procure orientação do médico ou cirurgião-dentista.
  • ADVERTÊNCIA DE USO:
    A PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.