AVISO

INFORMAÇÕES SOBRE O PRODUTO

Conteúdo: 30 cápsulas Uso oral, uso adulto e pediátrico acima de 12 anos. Fabricante: Hypera   Composição 200 mcg de Furoato de mometasona; 1 cápsula

R$64.64 R$54.30 2x de R$ 27.15 sem juros
-16%
-
+

RECEBA ESTE PRODUTO MENSALMENTE

Com a Assinatura Panvel você pode assinar e receber mensalmente seus produtos favoritos sem cobrança de taxas, além de garantir esse preço por mais tempo. (Saiba mais)

Preço para o cep 90620-130

A disponibilidade e os preços dos produtos podem mudar de acordo com a sua localidade! (Alterar)

Não sei meu CEP

DESCRIÇÃO

  • Conteúdo: 30 cápsulas
  • Uso oral, uso adulto e pediátrico acima de 12 anos.
  • Fabricante: Hypera

 

Composição

  • 200 mcg de Furoato de mometasona;
  • 1 cápsula de Excipiente.

 

Excipiente:

  • Lactose.

 

 

Indicações de uso

  • Oximax pode ser indicado nos pacientes que tomam, por via oral ou injetável, medicamentos à base de cortisona para o controle da asma;
  • Pode estar também indicado para os pacientes cuja asma não está sendo controlada com outros medicamentos;
  • O uso regular de Oximax auxiliará no controle da doença e na prevenção de súbitos ataques de asma.

 

 

Como funciona

  • O furoato de mometasona é um corticosteroide que demonstra uma potente atividade anti-inflamatória;
  • O mecanismo de ação preciso do corticosteroide na asma não é conhecido;
  • A inflamação é um componente importante na patogênese da asma;
  • Foi demonstrado que os corticosteroides têm uma grande variedade de efeitos inibitórios sobre os componentes da asma envolvidos na inflamação e resposta asmática;
  • Estas ações anti-inflamatórias dos corticosteroides podem contribuir para sua eficácia na asma;
  • É possível que não se obtenha o benefício máximo por 1 a 2 semanas ou mais depois de começar a usar Oximax;
  • Se os sintomas não melhorarem após esse período de tempo ou se o quadro clínico se agravar, entre em contato com o seu médico.

 

 

Para que serve 

Oximax está indicado para o controle dos sinais e sintomas no tratamento e na profilaxia da asma.

 

 

Contraindicações

  • Oximax não é indicado para o alívio de broncoespasmo agudo;
  • Oximax não é um broncodilatador e não deve ser usado para sintomas súbitos de falta de ar;
  • Use um broncodilatador inalatório de curta ação como o salbutamol para aliviar sintomas súbitos de falta de ar;
  • Oximax é contraindicado em pacientes com hipersensibilidade conhecida ao furoato de mometasona ou à lactose;
  • Houve relatos de casos de reação alérgica, edema facial, urticária, hipersensibilidade e aperto na garganta;
  • A terapia com Oximax é contraindicada no tratamento primário do estado de mal asmático ou outros episódios agudos de asma nos quais há necessidade de medidas intensivas;
  • Dependendo das características clínicas de cada caso, o produto está contraindicado em casos de tuberculose pulmonar ativa ou latente, infecções fúngicas, bacterianas, virais ou parasitárias não tratadas e em casos de herpes simples, inclusive o ocular;
  • Este medicamento é contraindicado para menores de 12 anos de idade.

 

 

Como usar

As cápsulas só devem ser retiradas do blíster imediatamente antes do uso. É importante para o paciente entender que, durante a perfuração, a cápsula de gelatina pode fragmentar-se e que pequenos pedaços de gelatina podem atingir a boca ou a garganta após a inalação. Para usar o inalador, proceda do seguinte modo:

  1. Retire a tampa;
  2. Segure firmemente a base do inalador e, para abrir, gire o bocal na direção indicada pela seta;
  3. Remova a cápsula do blister, levantando e puxando a aba de alumínio. É importante que a cápsula somente seja retirada do blister imediatamente antes do uso;
  4. Coloque a cápsula no compartimento adequado, na base do inalador;
  5. Mantenha o inalador em posição vertical, pressione os botões laterais completamente, uma só vez, acompanhando visualmente a perfuração das duas extremidades da cápsula;
  6. Solte os botões e, em seguida, pressione levemente um deles, empurrando um dos lados da cápsula para certificar-se de que ela se encontra solta no fundo do compartimento. Soltar a cápsula é uma operação que garante a eficácia da aspiração, pois durante a perfuração a cápsula pode ficar presa no fundo do compartimento;
  7. Gire o bocal de volta para a posição fechada;
  8. Solte o máximo de ar dos pulmões;
  9. Coloque aproximadamente 2/3 do bocal do inalador na boca e feche os lábios ao redor dele. Inspire de maneira rápida e o mais profundamente possível. Você deverá ouvir um som de vibração, como se a cápsula girasse na câmara do inalador com a dispersão do produto;
  10. Quando ouvir o som de vibração, segure a respiração pelo maior tempo que você confortavelmente conseguir (aproximadamente 10 segundos), enquanto isso retire o inalador da boca. Em seguida respire normalmente. Abra o inalador e verifique se ainda há resíduo de pó na cápsula. Se ainda restar pó na cápsula, repita os passos de 5 a 9;
  11. Após o uso, abra o inalador e remova a cápsula vazia. A cápsula poderá ter-se partido em pequenos fragmentos e estes fragmentos de gelatina poderão ter atingido sua boca ou garganta. A gelatina é comestível e, portanto, não é prejudicial. Da mesma forma, fragmentos de gelatina podem permanecer no fundo do compartimento e estes resíduos deverão ser removidos com auxílio de uma escovinha ou pincel macio. Feche o bocal e recoloque a tampa;
  12. É aconselhável enxaguar a boca após a inalação para prevenir o aparecimento de lesões bucais. Este procedimento ajuda a reduzir o risco de candidíase

 

ADVERTÊNCIA DE USO:
A PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.