AVISO

INFORMAÇÕES SOBRE O PRODUTO

  Conteúdo: 30 comprimidos revestidos de 30mg Uso oral, uso adulto    Composição  Cada comprimido de Nimovas® 30 mg contém: nimodipino 30 mg excipient

R$43.45 R$38.24
-12%
-
+

Preço para o cep 90620-130

A disponibilidade e os preços dos produtos podem mudar de acordo com a sua localidade! (Alterar)

Não sei meu CEP

DESCRIÇÃO

 

  • Conteúdo: 30 comprimidos revestidos de 30mg
  • Uso oral, uso adulto 

 

Composição 

Cada comprimido de Nimovas® 30 mg contém:

  • nimodipino 30 mg
  • excipientes* q.s.p 1 comprimido revestido
  • *Excipientes: celulose microcristalina, crospovidona, povidona, estearato de magnésio, amido, macrogol, dióxido de titânio, talco e Eudragit.

 

Para o que é indicado

Nimovas® é indicado para melhorar a circulação sanguínea cerebral. É indicado também no tratamento de alterações das funções cerebrais em idosos com sintomas graves de alterações de memória, de comportamento ou de concentração e de oscilações de humor.

Nimovas® é indicado para prevenção e tratamento das deficiências neurológicas isquêmicas causadas por vasoespasmo cerebral subseqüente à hemorragia subaracnóidea causada por aneurisma. Antes de se iniciar o tratamento com nimodipino, deve-se excluir a possibilidade de os sintomas serem causados por uma doença subjacente requerendo tratamento específico.

 

Como funciona

Nimovas® é um medicamento que age nas células nervosas (é um agente terapêutico cerebral antagonista do cálcio), apresentando acentuada seletividade de ação em algumas áreas do cérebro. Suas propriedades terapêuticas relacionam-se com sua capacidade de inibir a contração das células musculares lisas induzidas por íons de cálcio. Nimovas® protege as células nervosas e estabiliza suas funções, promovendo o fluxo sangüíneo cerebral.

 

Contraindicação

Nimodipino não deve ser usado nas situações abaixo:

  • Em caso de conhecida alergia ao nimodipino ou a qualquer outro ingrediente do produto ou em caso de problemas graves do fígado (p. ex. cirrose hepática).
  • Em tratamento concomitante com rifampicina, pois este pode reduzir a eficácia de nimodipino.
  • O uso de medicamentos antiepilépticos do tipo indutor de enzima (fenobarbital, fenitoína, carbamazepina) reduz a concentração do nimodipino no sangue e conseqüentemente a sua eficácia. Por esse motivo, não se recomenda o uso de nimodipino com os medicamentos mencionados (vide “Interações Medicamentosas”).
  • Na gravidez, na amamentação, em crianças e adolescentes. 

 

Bula

http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/frmVisualizarBula.asp?pNuTransacao=4800402015&pIdAnexo=2656346

ADVERTÊNCIA DE USO:
A PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.