AVISO

INFORMAÇÕES SOBRE O PRODUTO

Desalex D12 é uma combinação de dois medicamentos: um anti-histamínico e um descongestionante. O primeiro reduz sintomas alérgicos. O segundo ajuda a

R$50.01
-
+

Preço para o cep 90620-130

A disponibilidade e os preços dos produtos podem mudar de acordo com a sua localidade! (Alterar)

Não sei meu CEP

DESCRIÇÃO

Desalex D12 é uma combinação de dois medicamentos: um anti-histamínico e um descongestionante. O primeiro reduz sintomas alérgicos. O segundo ajuda a diminuir a congestão nasal.


Composição:

Cada comprimido contém:

 

  • 2,5 mg de desloratadina;
  • 120 mg de sulfato de pseudoefedrina.
  •  

    Excipientes: hipromelose, celulose microcristalina, povidona, dióxido de silício, estearato de magnésio, amido, edetato dissódico, ácido cítrico, ácido esteárico, corante índigo carmim.


    Indicações de uso:

     

  • Alívio dos sintomas nasais e não nasais da rinite alérgica sazonal ou intermitente, incluindo a congestão nasal;
  • Indicado para adultos e crianças a partir de 12 anos de idade.
  •  


    Contraindicações:

     

  • Pacientes hipersensíveis a qualquer um dos componentes da fórmula ou à loratadina;
  • Devido ao seu componente pseudoefedrina, este medicamento é contraindicado para pacientes com glaucoma de ângulo fechado ou retenção urinária, e para pacientes em tratamento com inibidores da monoamina oxidase (MAO) ou ainda durante um período de 14 dias depois da interrupção de tal tratamento;
  • Pacientes com hipertensão grave, doença arterial coronariana grave, e para quem apresenta hipersensibilidade a agentes adrenérgicos ou a outros medicamentos de estruturas químicas semelhantes.
  •  


    Como usar:

     

  • Este medicamento deve ser tomado via oral com auxílio de algum líquido;
  • Pode ser administrado com ou sem alimentos;
  • Não deve ser partido, aberto ou mastigado;
  • A dose recomendada é de 1 comprimido, 2 vezes ao dia;
  • Siga a orientação médica, respeitando horários, doses e duração do tratamento.
  •  

     

    ADVERTÊNCIA DE USO:
    A PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.