AVISO

Azitromicina 500mg 5 Comprimidos Eurofarma Genérico C

(Código: 527380)
INFORMAÇÕES SOBRE O PRODUTO

Conteúdo: 5 comprimidos Uso oral, uso adulto e pediátrico acima de 45 kg Fabricante: Eurofarma   Azitromicina é um antibiótico recomendado no tratamen

RETENÇÃO DE RECEITA

A conclusão de compra desse item está sujeita à apresentação, avaliação e retenção da receita original pelo farmacêutico ou o anexo um token de receita virtual na cesta de compras . Ao adicionar esse item na cesta o seu pedido só poderá ser retirado em loja.

R$29.99
-48%
-
+

Preço para o cep 90620-130

A disponibilidade e os preços dos produtos podem mudar de acordo com a sua localidade! (Alterar)

Não sei meu CEP

DESCRIÇÃO

  • Conteúdo: 5 comprimidos

  • Uso oral, uso adulto e pediátrico acima de 45 kg

  • Fabricante: Eurofarma

 

Azitromicina é um antibiótico recomendado no tratamento de infecções causadas por bactérias sensíveis ao princípio-ativo azitromicina.

 

Composição

Cada comprimido revestido contém:

  • 500 mg de Azitromicina di-hidratada

 

Apresentações

 

 

 

Azitromicina: Para que serve?

Este medicamento é indicado para o tratamento de infecções causadas por bactérias sensíveis à azitromicina, como: sinusite, faringite, amigdalite e demais infecções do trato respiratório inferior (brônquios e pulmões) e superior (nariz, faringe, laringe e traqueia); infecções da pele, músculos, tendões e gordura; e otite média aguda. 

 

Azitromicina: Posologia

Azitromicina di-hidratada pode ser administrada com ou sem alimentos.

Azitromicina di-hidratada deve ser administrada em dose única e diária. A posologia de acordo com a infecção é a seguinte:

Uso em adultos:

Para o tratamento de doenças sexualmente transmissíveis causadas por Chlamydia trachomatis, Haemophilus ducreyi ou Neisseria gonorrhoeae (tipos de bactérias) sensíveis, a dose é de 1000 mg, em dose oral única. Para todas as outras indicações nas quais é utilizada a formulação oral, uma dose total de 1500 mg deve ser administrada em doses diárias de 500 mg, durante 3 dias.

Uso em Crianças:

A dose máxima total recomendada para qualquer tratamento em crianças é de 1500 mg.

Azitromicina di-hidratada comprimidos revestidos deve ser administrada somente em crianças pesando mais que 45 kg.

Em geral, a dose total em crianças é de 30 mg/kg. No tratamento da faringite estreptocócica (infecção da faringe causada porStreptococcus) pediátrica deve ser administrada sob diferentes esquemas posológicos. A dose total de 30 mg/kg deve ser administrada em dose única diária de 10 mg/kg, durante 3 dias. Uma alternativa para o tratamento de crianças com otite média aguda é dose única de 30 mg/kg. 

Uso em Pacientes Idosos: 

A mesma dose utilizada em pacientes adultos é utilizada em pacientes idosos.  

Uso em Pacientes com Insuficiência Renal (diminuição da função dos rins):

Não é necessário ajuste de dose em pacientes com insuficiência renal leve a moderada.

No caso de insuficiência renal grave, azitromicina di-hidratada deve ser administrada com cautela (ver em Cuidados e precauções). 

Uso em Pacientes com Insuficiência Hepática (diminuição da função do fígado):

As mesmas doses administradas a pacientes com a função hepática normal podem ser utilizadas em pacientes com insuficiência hepática leve a moderada.

Entretanto, pacientes com insuficiência hepática grave devem utilizar azitromicina di-hidratada com cuidado (ver em Cuidados e precauções). 

 

Quais os efeitos colaterais da azitromicina?

Azitromicina di-hidratada é bem tolerada, apresentando baixa incidência de efeitos colaterais.

 

Cuidados e precauções

Apesar de raro, com o uso de azitromicina di-hidratada você pode desenvolver reações alérgicas graves como:

  • angioedema (inchaço das partes mais profundas da pele ou da mucosa, geralmente de origem alérgica)
  • anafilaxia (reação alérgica grave), raramente fatal, e reações dermatológicas incluindo Pustulose Exantemática Generalizada Aguda (PEGA) (reação alérgica grave extensa com formação de vesículas contendo pus em seu interior),
  • Síndrome de Stevens-Johnson (reação alérgica grave com bolhas na pele e mucosas),
  • necrólise epidérmica tóxica (descamação grave da camada superior da pele) raramente fatal e Reações Adversas a Medicamentos com Eosinofilia e Sintomas Sistêmicos (DRESS - Drug Reaction with Eosinophilia and Systemic Symptoms) - (Reações adversas a medicamentos com resposta generalizada).

Se ocorrer alguma reação alérgica, o uso do medicamento deve ser descontinuado e deve ser administrado tratamento adequado. Se você tiver algum problema grave de fígado, avise seu médico, pois azitromicina di-hidratada deve ser utilizada com cuidado.

  • Foram relatadas alteração da função hepática (funcionamento do fígado),
  • hepatite (inflamação do fígado),
  • icterícia colestática (coloração amarelada da pele e mucosas por acúmulo de pigmentos biliares, devido à obstrução),
  • necrose hepática (morte de células do fígado)
  • insuficiência hepática (falência do fígado), algumas das quais resultaram em morte.

Azitromicina di-hidratada deve ser descontinuada imediatamente se ocorrerem sinais e sintomas de hepatite.

Exacerbações dos sintomas de miastenia gravis (doença que causa fraqueza muscular) foram relatadas em pacientes em tratamento com azitromicina azitromicina di-hidratada. Se você observar vômito ou irritação após a alimentação em recém-nascidos (até 42 dias de vida) que estejam em tratamento com azitromicina, entre em contato com o médico, pois pode ser um indicativo de estenose pilórica hipertrófica infantil.

 

Não utilize azitromicina di-hidratada juntamente com derivados do ergôt (medicação com várias indicações incluindo analgesia, representados pela ergotamina). O uso de antibióticos está associado à infecção e diarreia por Clostridium difficile (tipo de bactéria) que pode variar de diarreia leve a colite (inflamação do intestino grosso) fatal. É necessário cuidado médico nestas situações.

 

Distribuição

o    Site

o    App

o    Alô Panvel:

o    Lojas

ADVERTÊNCIA DE USO:
A PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.