AVISO

INFORMAÇÕES SOBRE O PRODUTO

Produto sem informação

R$17.17 R$13.74
-20%
-
+

Preço para o cep 90620-130

A disponibilidade e os preços dos produtos podem mudar de acordo com a sua localidade! (Alterar)

Não sei meu CEP

BULA

Apresentações

 

Comprimidos revestidos de liberação entérica de 100 mg: embalagens com 10 e 30 comprimidos. 

 

 

Composição

 

Cada comprimido contém:

Cada comprimido revestido de AAS Protect contém:

ácido acetilsalicílico ............................................................................................. 100 mg

excipientes q.s.p. .................................................................................................. 1 comprimido

(celulose microcristalina, lactose monoidratada, amido de milho, dióxido de silício, hipromelose, macrogol 400, ácido cítrico, dióxido de titânio, Eudragit L-30D, polissorbato 80, talco, trietilcitrato, simeticona)

 

 

Indicação de uso

 

AAS Protect é indicado para diminuir o agrupamento das plaquetas, principalmente:

• na angina de peito instável (dor no peito causada pela má circulação do sangue nas artérias coronárias);

• no infarto agudo do miocárdio;

• para redução do risco de novo infarto em doentes que já sofreram infarto (prevenção de reinfarto);

• após cirurgias ou outras intervenções nas artérias (por exemplo, cirurgia de ponte de safena);

• para evitar a ocorrência de distúrbios transitórios da circulação cerebral (ataque de isquemia cerebral transitória) e de infarto cerebral após as primeiras manifestações (paralisia transitória da face ou dos músculos dos braços ou perda transitória da visão).

Nota: este medicamento não é adequado para o tratamento da dor.

 

 

Como funciona?

 

AAS Protect contém a substância ativa ácido acetilsalicílico. O ácido acetilsalicílico tem, entre outras, a capacidade de evitar o agrupamento das plaquetas, componentes do sangue que agem na formação dos coágulos sanguíneos. Ao inibir o agrupamento das plaquetas, o ácido acetilsalicílico previne a formação de coágulos (trombos) nos vasos sanguíneos, evitando assim certas doenças cardiovasculares.

ADVERTÊNCIA DE USO:
A PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.